Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Novembro, 2014

[De Roma com amor]

Só de me lembrar que já dei beijinhos nestas paredes... <3

Aventuras na piscina #25

Estava um dia cheio de sol mas lá fui nadar um pouco, já lá não vou há algum tempo e isso envergonha-me um bocadinho. Tenho-me desleixado mas o meu horário de trabalho não me tem permitido criar regras para ir à piscina. Lá fui  e a coisa correu bem. Esforcei-me para conseguir nadar várias piscinas seguidas, já que estou destreinada. Crawl continua a "matar-me". Quero recomeçar em força, tal como no ano passado quando comecei a ir após anos de interregno. Amanha há mais...

"Guardiões da Galáxia"

Esta semana foi recheada em filmes. Desta última vez, vi "Guardiões da Galáxia", um típico filme de homens que me fez suspirar e pensar que nunca mais me metia noutra e estava fortemente desejosa de que terminasse depressa. O filme está pejado de humor, raros são os momentos sérios, os protagonistas são heróis da Marvel e tem actores bem conhecidos como Glenn Close, Benicio del Tor, Bradley Cooper e Vin Diesel.
A acção nunca pára mas não se trata de um filme para ver e rever. Acho que não gosto de filmes de super-heróis o suficiente para me deliciar com estas histórias.

Sinopse
Século XXXI. Peter Quill, autodenominado de "Senhor das Estrelas", rouba uma esfera cobiçada por Ronan, um poderoso e ambicioso vilão. Por causa disso, passa a ser procurado por vários caçadores de recompensas, que estão dispostos a tudo para recuperar o objecto. Compreendendo o perigo em que se encontra, Quill não vê alternativa senão unir forças a quatro extravagantes personagens: Rocket Rac…

"Under the skin"

Pus-me a ver o Under The Skin, de Jonathan Glazer e com a Scarlett Johansson no papel principal. Ela aparece nua, sim. E tem celulite, sim. E não está no seu melhor, é certo. Mas o filme também não ajuda. É um filme perturbador onde Scarlett Johansson é um extraterrestre que percorre a Escócia, devora homens que mantém vivos para depois os consumer. A personagem tenta adaptar-se ainda entre os humanos e adquirir os seus hábitos.
O final é simplesmente perturbador, já eu o achei esquisito e não faz, de todo, o meu género de filmes. A música ajuda também ao ambiente em torno do enredo mas não se trata de um blockbuster e sei que os "hispters" vão adorar este filme.

Monstros - A Universidade

Num dia de folga tive tempo de rever "O rapaz do Pijama às Riscas" e de me arrepiar novamente com aquele final tão inesperado, e de ver finalmente Monstros na Universidade. E o que achei divertido e bem fofos todos aqueles monstros que se queriam tornar nos monstros mais assustadores. A história desenrola-se num típico ambiente académico: as fraternidades, os jogos, as aulas, os alunos mais populares e os estudantes tipicamente excluídos.  
Um filme que nos arranca umas gargalhadas e mais não posso contar...


Dedos fazem arte

só por ser giro

[Londres]

Ora então fui e regressei de Londres, uma cidade enorme, por onde me desloquei sempre de bicicleta quer fosse debaixo de uns raios de sol como de chuva miudinha, que em Londres só vi cair chuviscos.
Vi o Tate Modern,  o National Gallery, dois dos museus mais emblemáticos da cidade, e onde vi algumas obras de Jackson Pollock, Picasso, Renoir, Monet, Seurat, Da Vinci, Botticeli, Cézanne, enfim.... um sem-fim de pintores bem conhecidos. Por mim ficava ali horas intermináveis a contemplar o "Waterlillies" de Monet.
Apaixonei-me pelos recantos do Hyde Park, alimentei cisnes no Serpentine e  levei com uma pomba na cara. Diverti-me com uns esquilos que por ali andavam à procura de comida. Vi o Palácio de Buckingham mas a rainha falhou redondamente mas vi a troca da guarda.
Entrei num pub, e jantei lá. Andei pela Piccadilly Circus. Fui a Chinatown e deambulei pelo Soho. Adorei o Covent Garden e quero repetir o London Eye, de onde se tem uma vista previligiada da cidade. O Big Ben era …

[Ready, set, go]

Aaaah, este entusiasmo de ir ver finalmente o "Arnolfini wedding"...

[....]

Guia de viagem - Check  ✓
Mochila pronta - Check  ✓
Roupa escolhida - Check  ✓
Bilhetes de avião - Check  ✓
Hostel escolhido - Check  ✓
Ténis prontos a usar - Check  ✓
Ansiedade ao rubro - Check  ✓

[Em 2...]

Quase, quase...

Interstellar

Não tinha visto o trailer e ainda não tinha ouvido nada sobre este Interstellar, de Christopher Nolan, conhecido realizador de vários filmes do Batman e do grande "Inception", portanto não sabia ao que ia. Informaram-me apenas dos actores eolhei para o  cartaz e disse: "Ok, vamos lá". Não adivinhava que vinham aí 3 horas de enorme tédio. E jurei que nunca mais veria filmes de astronautas. Este "Interstellar" é um grande monólogo desnecessário sobre o fim do planeta Terra e a necessidade de explorar outras galáxias em busca de um novo lar para os terráquios.  A primeira parte do filme ia adormecendo, demasiados diálogos numa história que se queria cheia de acção ou não fosse um filme com naves espaciais e falta de gravidade com fartura. Estava ali um belo pretexto para fazer uma coisa em grande. Mas não. Nolan quis explicar bem as coisas: buracos negros,  passagem do tempo... Ui, demasiada explicação. O espectador perde-se um pouco. Na 2ª parte do filme, a …

[Daquelas verdades puras]

Ready...

Festival de BD, Amadora

Acabei por ir ver o Festival de BD na Amadora, apesar de todos os pequenos eventos negativos que se vinham a suceder na minha vida, o que me fizeram acreditar que não poderia ir ver o certame. No ano passado achei o festival fracote e este ano continuei a achar o mesmo. Perdi todas as esperanças que consigam fazer um super festival, daqueles que valem mesmo a pena ver. Este ano, logo à entrada temos uma sala dedicada ao Batman e uma sala pequenina dedicada à Mafalda, de Quino, que celebra 50 anos. Queria mais sobre esta miúda argentina que questiona políticas, comportamentos sociais e económicos,  que continua tão actual nos dias de hoje.  A sala mais gira era a última do parque de estacionamento sobre o livro "Jim Curioso", um livro em 3D em que precisamos de uns óculos especiais para conseguirmos tirar partido das imagens. Têm até dia 9 de Novembro, já este Domingo, se se trata de um bom ou menos bom festival.









[Ser livreiro]

Já aqui falei há uns tempos que por vezes encontramos pessoas que valem a pena. Hoje venho falar do meu trabalho. Trabalhar numa livraria é cansativo, é certo, há dias bons e dias maus. Francamente maus. E quando são maus sobrepõe-se a tudo o resto.
Mas quero falar dos dias bons, daqueles dias em que se cruzam connosco pessoas que valem a pena. Pessoas que falam connosco e que servimos um pouco de psicólogos, que ali estamos a ouvir o que nos dizem. É certo que muitas vezes a conversa não nos interessa para nada mas há momentos em que dois dedos de conversa nos dão um prazer imenso. E ver pessoas que nos abraçam e cumprimentam porque lhes arranjámos um determinado livro que há muito ansiavam é do melhor. Pessoas que nos contam pequenos segredos e desabafam durante alguns minutos. Pessoas que voltam porque querem ouvir os nossos conselhos, que nos devolve um sorriso e nós ali no meio de milhares de livros todos os dias, que lhes sentimos o cheiro e o toque. Que os arrumamos e que os ve…

"O Paraíso são os Outros"

"O amor constrói. Gostarmos de alguém, mesmo quando estamos parados durante o tempo de dormir, é como fazer prédios ou cozinhar para mesas de mil lugares." Foi lançado hoje e já tive oportunidade de o ler. Falo do novo livro de Valter Hugo Mãe: "O Paraíso são os Outros", da Porto Editora. Aqui a protagonist é uma menina que observa casais e tenta perceber e explicar em que é que consiste o amor. Um livro replete de inocência que nos faz sorrir frase a frase de tão encantador que é. Um belo presente para pessoas enamoradas pelo seu parceiro e pela vida. As ilustrações são de Esgar Acelerado, que tem uns trabalhos un tanto bizarros.

[Countdown]

[E chegou Novembro]