Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Janeiro, 2016

"The Revenant"

Parece que "The Revenant" é inspirado na história verídica de sobrevivência de Hugh Glass, um explorador, caçador e comerciante de peles que é abandonado e dado como morto pelos seus compinchas. Claro que no argumento do filme foram acrescentadas algumas cenas fictícias e o resultado faz impressão. Passei todo o filme a murmurar "que nojo" e escondida tal a crueza de algumas cenas. Mas o filme é mais do que a sobrevivência de Glass, temos índios, temos uma rapariga raptada, temos uma série de tramas que compõem a história. Temos muito mais do que um Leonardo DiCaprio moribundo.  Temos Tom Hardy no seu melhor. Esse sim é que devia ganhar algum prémio por esta prestação.

"A 5ª Vaga"

Bones, sinking like stones, All that we fought for, Homes, places we've grown, All of us are done for. And we live in a beautiful world... "Beautiful World", by Coldplay
Ontem foi dia de cinema e fui ver "A 5ª Vaga", existe um livro e agora temos o filme. Não tinha visto o trailer nem sabia nada sobre a história e surpreendeu-me. Gostei mais do que esperava deste filme de ficção científica/acção destinado visivelmente a jovens adultos. Por se tratar do 1º filme de uma saga ficam muitas questões em aberto embora vejamos alguns extraterrestres na cabeça de seres humanos. Temos flashbacks, temos mortes, temos armas e temos Alex Roe a fazer de Evan Walker semi-nu a banhar-se nas águas de um rio. É motivo suficiente para irem ao cinema?

[Azenhas do Mar]

Em Sintra há uma vila chamada Azenhas do Mar que é simplesmente um paraíso à beira do Atlântico onde o tempo anda ao ritmo das ondas. As casinhas na encosta, as ruelas pitorescas e a vista de perder o fôlego são motivos suficientes para aqui passar uma tarde.








“Família Beliér”

Os filmes franceses conseguem sempre reportar a verdadeira realidade do povo. Conseguem retratar o quotidiano na perfeição e vão buscar atores e actrizes como nós, pessoas normais. Obviamente que os argumentistas têm todo o mérito neste feito. O facto de conseguirem retratar tão bem a realidade é de se lhes tirar o chapéu. Parecem ser escolhidos a dedo para escreverem e construírem enredos honestos. Esta “Família Bélier” tem tudo para ser uma família como tantas que há por aí. São personagens reais com as suas dificuldades e paranóias, têm momentos delirantes, coisa que todas as famílias têm. Nesta família, há uma filha – Paula - que ao contrário dos pais e irmão que são surdos, ouve na perfeição desde que nasceu e descobre que tem uma boa voz nas aulas de Coral. Paula ajudou sempre os pais no trabalho, na quinta onde vivem, na venda dos queijos, que produzem, e estes nunca se sentiram excluídos na sociedade por terem esta preciosa ajuda. Paula tem uma vida de adolescente normal, com a…

Filmes no papo

The Girl in The Book Decidi ver este filme porque o título tem tudo a ver comigo. Livros e escritores. Ter trabalhado em 3 livrarias faz de mim uma livreira for life e é um mundo que me entusiasma tanto! Por tudo isto, fiquei muito satisfeita com a  minha escolha. Um filme repleto de flashbacks para percebermos o passado de Alice e a razão para não conseguir uma relação honesta e duradoura. Uma história simples que gostei de ver. Grand Central

Gosto de filmes franceses e este andava a escapar-me há já demasiado tempo, desde 2013. Tive agora oportunidade de o ver e não me arrependi. Dá-nos a conhecer uma série de vidas medíocres de homens e mulheres que têm um arriscado emprego numa central nuclear e dois deles apaixonam-se mesmo tendo ela um noivo.
Uma história que nos deixa com o coração apertado por querermos o melhor para os dois e eles a afastarem-se do caminho mais feliz.

"Baby Daddy"

Ok. Rendi-me à série "Baby Daddy" que apanhei por mero acaso no AXN White. É gira, dá para rir e os personagens estão bem caracterizados. É daquelas séries de fim de semana matinal em que ainda não estamos totalmente acordados e queremos boa disposição. "Baby Daddy" é uma série que nos dá isso mesmo. A ver...

Hyper Meat

O artista britânico Douglas Pledger, conhecido por Douggy, criou uma série de ilustrações a que chamou de "Hyper Meat", utilizou para isso personagens da Disney e deformou-lhes as silhuetas. À primeira vista são estranhas mas olhando com atenção são verdadeiras obras de arte. 

Vegetais

Qiyun Deng, designer de produto criou estes talheres descartáveis em forma de leguminosas! Ainda não é possível adquiri-los porque não passam de um prototipo mas quem é que era capaz de deitar estas talheres de plástico fora depois de utilizados? São tão bonitos!

Jardinagem em crochet

Crochet miniature plants and bookmarks by FancyKnittles on Etsy

Next trip

Quando no TripAdvisor, o  hostel que escolhi para a próxima viagem tem a seguinte crítica (a bit scary!)

"A Hostel for backpackers and adventurists who aren't too picky."

[Passeio Marítimo de Oeiras]

“Time you enjoy wasting is not wasted time.”  ― Marthe Troly-CurtinPhrynette Married

Apresento Alexa Meade...

Precisei de voltar atrás para ver melhor o trabalho da norte americana Alexa Meade. Não queria acreditar no que os meus olhos viam. No início não percebi e ao rever as imagens deixei-me deslumbrar por completo. Alexa é uma fotógrafa e artista de mão cheia. Ela utiliza o nosso corpo como tela. Usa o trompe l'oeil, uma técnica artística que cria uma ilusão de ótica em que a tela ganhe bidimensionalidade, e a sua arte vai mais além. E o resultado está à vista.

Apresento Vyacheslav Mishchenko...

"Ukrainian photographer Vyacheslav Mishchenko documents tiny creatures in nature who often go unseen. In particular, he captures portraits of snails that are both magical and adorable. The photographer gets in close to snap macro shots of precious, surreal moments." - Source






Ilustrações de frases

Roisin Hahessy ilustrou algumas frases dos seus livros infantis preferidos e eu trago alguns para mostrar. A obra desta ilustradora pode ser vista aqui

Snail mail :)

Tudo sobre snail mail (correio convencional) aqui.

Isto das pastas de dentes...

A quantidade de dentífricos que existe no mercado é assustadora. Sou fiel a 2 ou 3 marcas mas desde que comecei a ter sensibilidade num dente em específico e ter despistado qualquer tipo de problema a minha dentista aconselhou-me a Colgate Sensitive. E lá fui eu preparada para me perder nesta secção do supermercado. 
Em promoção estava a Colgate Sensitive multi-proteção com sensi-espuma e decidi trazê-la. E o que é isto da sensi-espuma? Ora bem, a embalagem diz que é uma espuma que chega a todas as áreas dos dentes e que os protege efetivamente. Além de que possui Nitrato de Potássio que acalma a sensibilidade na dentina. 
E tem resultados satisfatórios? Em mim sim, até agora. Já havia experimentado outras pastas sensitive e nenhuma me satisfez como esta está a conseguir portanto é um bom augúrio.

"The Lobster"

Foi apresentado no Festival de Cannes 2015 e a história é para lá de bizarra.Está rotulado como comédia mas não me lembro de ter rido um segundo com o enredo. Provavelmente o meu humor não estava em alta no dia em que decidi ver "The Lobster", a lagosta. E lagosta foi o animal que o personagem de Colin Farrel escolheu para ser transformado caso não se apaixonasse em 45 dias num hotel muito especial. 
Nas críticas que li, o filme está repleto de sarcasmo, mas dá muito pouca vontade de rir. É seco, cru, sem piada. 
Absolutamente absurdo,diria até. E são duas horas disto. Reflitam bem antes de o decidir ver. 

Apresento Spinelli...

A fotógrafaLuceaSpinellitem uma ligação especial com luz emovimento e trabalha com estes elementos cujo resultado é o que se segue.
Para ver aqui.


Filmes no papo

Shaun the Sheep
Nunca tinha visto a Ovelha Choné na televisão. Já não tenho nem tempo nem muita paciência para desenhos animados na tv.  Mas deu-me para ver o filme. Está nomeado para os Óscares e já tinha ouvido falar bem do filme. Confirma-se. Fiquei encantada com os pormenores, fiquei fã da Ovelha Choné e adorei a ovelhinha bebé que fazia parte da trupe.
Um filme que arranca milhares de gargalhadas sonoras e que desejamos que a hora e 20 de duração se prolongue.


Anomalisa


"Anomalisa" é um filme estranho. Está nomeado também para os óscares para Melhor Filme de Animação e não me convenceu. Acho que não percebi bem a história ou porque está mal contada ou porque é demasiado bizarra para mim. No entanto apanhei umas quotes interessantes e é disso que me vou lembrar deste filme:

"Our time is limited, we forget that." "Look for what is special about each individual, focus on that." "Remember there is someone out there for everyone.  "

Disney em papel

Let´s paint with words

Via: Krokotak

"A Rapariga Dinamarquesa"

"We went for coffee, and after... I kissed him. And it was the strangest thing. It was like kissing myself."

O filme "A Rapariga Dinamarquesa" é puro amor. Amor pelo ser humano. É compreensão e estima. Eddie Redmayne que já o tinhamos visto na pele de Stephen Hawking em "A Teoria de Tudo" mostra aqui mais do que um transgénero. E Alicia Vikander que conheci em "Ex-Machina" é alma. Uma senhora que de tudo faz para salvar o casamento e o marido. 
"A Rapariga Dinamarquesa" é, certamente, um filme inesquecível. Por tudo. Por nos ensinar a amar e a ver através das aparências. E a força. A força destas duas pessoas que apesar de se amarem, desamarram-se. E o fim. O extraordinário fim...
A não perder.