Avançar para o conteúdo principal

[Confissões]


Vou confessar uma coisa...
Atendi o actor Adrien Brody no meu balcão de Check-In. Sim esse mesmo. O actor de Hollywood que já ganhou um óscar, e que fez inúmeros filmes, incluindo o maravilhoso "Pianista". 
Olhei para ele e reconheci-o mesmo de boné enfiado na cabeça. Disse-lhe entusiasmada, embora de forma muito discreta:
- You are an actor!
Resposta que obtive sem qualquer sorriso:
- Yes I am.
- Ok! i'm not gonna tell anybody...!
(Pois....here I am)
Atendi-o, ele colocou duas bagagens no tapete, pesei-as, emiti o cartão de embarque, informei-o da Porta de Embarque e a hora a que lá tinha que estar. Agradeceu, virou costas e foi-se embora para, provavelmente, nunca mais o ver. 
Mas FALEI com ele!!!! E foi talvez o mais perto que estive deste mundo cinematográfico com um actor reconhecido e conhecido mundialmente. E estou orgulhosa de não ter começado aos gritos e aos pulos histéricos em frente ao homem.
Estou agora quase aos gritos porque a única coisa que me separa desse momento e o agora são apenas cerca de 4 horas.
Que bom é trabalhar no aeroporto, agora vou ficar muito mais atenta, não me vá aparecer pela frente um Brad Pitt ou Johnny Depp :)

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Cascatas do Rio Mourão

Já não sei bem como descobri a Cascata de Anços, no concelho de Sintra... Talvez numa sessão fotográfica da revista de Cristina Ferreira onde o actor Pedro Teixeira pousou nu. Pesquisei na internet e lá dei conta da Cascata do Rio Mourão, que é um dos afluentes do Rio Lizandro. Lá fui numa tarde bem quente com as coordenadas no GPS.
Larguei o carro no local mais perto do caminho de terra e lá fui à descoberta da cascata. Tem cerca de 10 metros e uma laguinho onde pude tomar uma banhoca. Não tem a água mais limpa do mundo mas não podia deixar de entrar naquela água. É um cenário magnífico. Por lá, surgiam várias pessoas, poucas porque o local é bem discreto.
A cascata também faz parte do genérico da novela "Jardins Proibidos" da TVI e também já havia sido cenário em "O Beijo do Escorpião".

"Collection a Day" by Lisa Congdon

"Collection a Day" é um projeto fotográfico de Lisa Congdon que se comprometeu a tirar fotos durante um ano dos objetos que coleciona tão carinhosamente. Desta forma surgiu o blog e mais tarde o livro.

Há livros que nos ficam no coração #9

Foi em 15 minutos que li este "Viúva e o Papagaio" de Virginia Woolf.  Trata-se de um conto direccionado para os mais jovens e aqui a escritora conta uma históra para além da história. Relata aqui Woolf, que devemos tratar bem os animais e desta forma teremos retorno, é uma pequena história de amor a um papagaio. As ilustrações deste livro são algo que dão imensa vida ao pequeno conto.  Ora, a sra.Gage uma viúva muito pobre recebe a herança do seu irmão avarento: uma casa, um estábulo e  três mil libras. A viúva viaja até à casa do irmão e o que encontra é apenas uma casa em ruínas e nada de dinheiro. Apenas um papagaio falador chamado James. Todos os habitantes lhe diziam para vender o animal e ganhar com isso algum dinheiro mas a sra. Gage, defensora dos animais como era, não o fez. No decorrer da história, James torna-se fundamental pois ajuda a viúva a encontrar aquilo que lhe tinham prometido, o dinheiro, e salva-a de uma noite muito complicada. Um conto muito ternurento…